Comerciante se apresenta como ‘justiceiro misterioso’ que matou assaltante em Curitiba


Por Marina Sequinel e Flávia Barros
carmelitas-800x600
Caso aconteceu na Rua das Carmelitas no dia 12 de outubro. (Foto: Antônio Nascimento – Banda B)
Um comerciante se apresentou na Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa de Curitiba (DHPP) como autor da morte de um assaltante no bairro Boqueirão no dia 12 de outubro. Na ocasião, ele ficou conhecido pelos moradores como o ‘justiceiro misterioso’.
Segundo as investigações, o suspeito entrou em um estabelecimento comercial junto com um comparsa e deu voz de assalto. O dono, então, pegou uma arma e atirou três vezes contra José Ailton Lopes da Silva, de 29 anos, que tentou fugir, mas não resistiu aos ferimentos e caiu morto na Rua das Carmelitas. Ele carregava uma pistola de brinquedo, usada para cometer os crimes.
“O comerciante se apresentou espontaneamente à delegacia e, como prevê o Código de Processo Penal, neste caso não há flagrante. Ele confessou o crime e disse que comprou o revólver calibre 38 de uma pessoa desconhecida para manter a sua segurança. O dono do estabelecimento não tem autorização junto à Polícia Federal para portar essa arma”, contou o delegado Vitor Pinhão, da DHPP, em entrevista à Banda B.
De acordo com ele, o comerciante, que não teve a identidade revelada, não deve ser detido porque não possui os requisitos para um pedido de mandado de prisão. “Ele tem residência fixa, não tem antecedentes e colaborou com as investigações. Claro que nada impede que isso mude, em uma eventual fuga, por exemplo. De qualquer forma, vamos continuar com os trabalhos para concluir o inquérito”, completou.
O acusado vai responder em liberdade pelo crime de homicídio e posse ilegal de arma de fogo.

Exclusivo: Mulher de Franklin cobrou presença da OAS em reunião com Lula


 


A Lava Jato suspeita que Mônica Monteiro, mulher de Franklin Martins, usava a fachada de produtora de vídeo para fazer lobby para grandes empreiteiras.
O primeiro indício surgiu em email dela para Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS. A suspeita agora é reforçada por outro email enviado a Leonardo Calado de Brito, ex-diretor da empreiteira na África.
Mônica pergunta a Leonardo se ele participará do encontro de empresários com Lula na África do Sul, em novembro de 2012. "Acho que seria importante para vcs. O Zuma vai participar. Me avisa para encontrarmos lá."
Segundo ela, esse seria o "motivo da vinda" de Franklin.
Como O Antagonista já revelou, Mônica abriu em 2009 a 'Valore Moçambique', em sociedade com Evanise Santos, então mulher de José Dirceu, e Sandra Louise Dantas, ex-tesoureira do PT-DF, casada com Chico Floresta.

Moro "Savonarola" faz escola


A Exame.com noticia que 286 pessoas se inscreveram para a vaga de estagiário na 13a Vara Federal de Curitiba, de Sergio Moro. "Em média, 70 pessoas se candidatam para esse tipo de concurso", informa a revista.
É o "Savonarola" fazendo escola, para desespero dos corruptos.

Barroso perdoa Dirceu



Luis Roberto Barroso acatou parecer da PGR e validou o indulto concedido por Dilma Rousseff a José Dirceu em 2015. Com a decisão, o ex-ministro se livra da sentença de 7 anos e 11 meses de prisão, por corrupção passiva, no caso do mensalão.
Rodrigo Janot recomendou a extinção da punição, apesar de Dirceu ter sido condenado na Lava Jato. É um absurdo.

A FESTA ANGOLANA DE FRANKLIN MARTINS



As empreiteiras investigadas na Lava Jato, além do documentário de Franklin Martins, também injetaram recursos num seminário realizado em Brasília, em abril de 2014, durante as comemorações pelo aniversário do fim do conflito armado em Angola.
O evento foi organizado pela Cine Group, produtora de Mônica Monteiro, mulher de Franklin, com patrocínio da Odebrecht, da Queiroz Galvão e da Andrade Gutierrez. Teve direito até à Lei Rouanet.
Uma das mesas de debate teve como tema "Lições e Desafios" nas experiências empresariais em Angola e contou com a presença de representantes da petroleira angola Sonangol (suspeita de financiar a campanha de Lula em 2006).
Também marcou presença João Nogueira, diretor internacional da Odebrecht, hoje alvo das operações Lava Jato e Acrônimo. Nogueira, que negocia delação premiada com outros 52 executivos da Odebrecht, foi alvo de condução coercitiva em setembro.
Ele é suspeito de pagar US$ 7,6 milhões em propina para obter a liberação de R$ 3 bilhões do BNDES para obras do porto Mariel, em Cuba, e em outros projetos na República Dominicana, Panamá, Angola, Gana e México.
Um dos beneficiários da propina, segundo os investigadores, é Fernando Pimentel.

Uma sugestão para Carminha




O Antagonista sugere a Cármen Lúcia que revogue a liminar que Ricardo Lewandowski concedeu ao advogado-lobista Roberto Bertholdo, condenado por grampear Sérgio Moro.
Releiam o que publicamos sobre o caso.

Lewandowski dá liminar a advogado que grampeou Moro

Brasil  17:20
Responsável pelo plantão do STF durante o recesso do Judiciário, o ministro Ricardo Lewandowski tomou outra decisão polêmica contra a jurisprudência da corte que estabeleceu o cumprimento de pena após condenação em segunda instância.
Lewandowski beneficiou agora o advogado-lobista Roberto Bertholdo, condenado por grampear Sérgio Moro. Ele concedeu liminar suspendendo a audiência que determinaria o cumprimento da pena de Bertholdo.
Ligado ao ex-deputado José Borba e citado no mensalão, Bertholdo chegou a acusar Alberto Youssef e José Janene de serem os mandantes do grampo, quando Moro ainda era o titular da 2a. Vara Federal de Curitiba.

Câmara de Colombo aprova orçamento municipal para 2017




            
Na sessão ordinária desta terça-feira (4/10), os vereadores aprovaram por unanimidade e em segunda votação, o Orçamento Municipal para o exercício de 2017, apresentado via Projeto de Lei do Executivo nº 12/2016. O projeto estima a arrecadação de R$ 386.902.480,00 e o mesmo valor para as despesas no próximo ano. O projeto aprovado será encaminhado à prefeita Beti Pavin para sanção.
A fixação do orçamento cumpre ao disposto no artigo165, parágrafo 5º da Constituição Federal e ao artigo 5º da Lei de Responsabilidade Fiscal. Cabe ao Legislativo apreciar e aprovar o orçamento anual do município, bem como os projetos de lei relativos ao plano plurianual e às diretrizes orçamentárias, conforme o Artigo 11 da Lei Orgânica Municipal.

Resultado Eleições – Na sessão desta terça-feira, os vereadores também comentaram os resultados das urnas, nas eleições municipais realizadas no último domingo, dia 2. Os legisladores parabenizaram os que se elegeram para o próximo quadriênio (2017/2020). O vereador Sérgio Pinheiro (PP), eleito vice-prefeito, ao lado da prefeita reeleita, Beti Pavin (PSDB), destacou o papel da população na votação.
Dos 128 mil eleitores, 90% compareceu aos locais de votação para fazer sua escolha. “Agradeço aos cidadãos, que fizeram a escolha dos representantes que vão administrar esta cidade. Foi um processo democrático ordeiro. Infelizmente, houve uma mudança [nas regras eleitorais] e nem todos podem se eleger. Aos novos vereadores, saibam que têm um compromisso com a população, de um trabalho sério para fazer com que coisas boas aconteçam para nossa comunidade”, destacou.

Homenagem – Encerrando a sessão ordinária, o grupo de rap colombense Arquivo Negro recebeu votos de congratulações por seus 20 anos de carreira.


Briga entre facções rivais no presídio de RO tem 8 presos mortos


Diretor do presídio diz que caso está relacionado com confronto em RR.
Corpos estão sendo levados para o Instituto Médico Legal (IML).

Hosana Morais e Larissa ZuimDo G1 RO
Briga entre facções motivou conflito na penitenciária Urso Branco que resultou em oito mortes (Foto: Hosana Morais/G1)Briga entre facções motivou conflito na penitenciária Urso Branco que resultou em oito mortes (Foto: Hosana Morais/G1)
Pelo menos oito presos morreram asfixiados por fumaça na Penitenciária Estadual Ênio dos Santos Pinheiro em, Porto Velho, durante a madrugada desta segunda-feira (17). A Polícia Civil confirmou as mortes e diz que a motivação foi uma briga entre facções rivais. Dois feridos foram encaminhados ao hospital.
O confronto teria sido motivado por uma briga entre facções rivais que iniciou em Boa Vista(RR) no domingo (16); 25 detentos morreram.
Familiares aguardam informações em frente à penitenciária. A polícia fará a contagem dos presos ainda nesta segunda para verificar o número de mortos.
O diretor do presídio, Jobson Bandeira, relatou sobre a situação. "Nós conseguimos chegar ao local agora, conseguimos fazer a movimentação dos apenados e chegamos até a cela. A confusão começou na madrugada, as duas facções começaram a brigar e tocaram fogo na frente dessa cela, onde vieram a óbito oito apenados. Eles morreram asfixiados. Eles não chegaram até os apenados, foi por causa da fumaça dos colchões que eles tocaram fogo e acabou vindo a óbito os oito da mesma cela. (...) Os dois feridos em estado grave já estão no hospital."
Mulher desmaia ao saber da morte do marido que cumpria pena no presídio (Foto: Hosana Morais/G1)Mulher desmaia ao saber da morte do marido que
cumpria pena no presídio (Foto: Hosana Morais/G1)
O nome dos presos mortos no conflito foram divulgados. A esposa de uma das vítimas, ao saber da morte do marido, desmaiou e foi socorrida por outras mulheres que se encontram no local.
A entrada que dá acesso à penitenciária foi interditada pela polícia. Equipes do Instituto Médico Legal (IML) estão na unidade para a realização da perícia e remoção dos corpos.
O caso
A briga teria sido motivada por um confronto registrado na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo no domingo (16), em Boa Vista (RR), na qual 25 detentos ficaram mortos e pelo menos 100 familiares foram feitos reféns.

Revisando Lewandowski



Cármen Lúcia mandou sua equipe revisar todas as liminares concedidas por Ricardo Lewandowski na presidência do Supremo.
Não precisa, Cármen. Basta cancelar tudo.

Criança morre e milhares ficam sem energia após temporal com onda gigante atingir Santa Catarina


estadao_conteudo_cor

carro-svc
Onda invadiu a praia no Morro dos Conventos, em Araranguá- Reprodução whats

Uma criança de 7 anos morreu após ter sido atingida pela queda de uma árvore, em Tubarão, durante um forte temporal que atingiu o sul de Santa Catarina no domingo, 16. Rajadas de vento de até 97 km/h causaram estragos em pelo menos 20 municípios, e 150 mil ficaram sem energia na região, a cerca de 140 quilômetros da capital Florianópolis.
No litoral, carros foram arrastados por grandes ondas, em um fenômeno que foi definido pela Defesa Civil como “tsunami meteorológico”. Duas pessoas tiveram que ser socorridas de dentro de um automóvel, que foi carregado pelas águas.
Em Laguna, uma carreta tombou na Ponte Anita Garibaldi, na BR-101, e o trânsito está lento no sentido Paraná-Rio Grande do Sul. Por causa do temporal, uma força-tarefa foi criada pela Defesa Civil, que iniciou a entrega de lonas para famílias que tiveram danos em suas residências.


O serviço do garçom



Lula será bem servido na prisão.
O Estadão diz que a Focal, de Carlos Cortegoso, o velho “garçom de Lula”, está passando por uma devassa no TSE, com a ajuda dos investigadores da Lava Jato e da Custo Brasil.

Assalto em casa de alto padrão no Jardim Social termina com troca de tiros e um baleado


Redação

taruma
Troca de tiros aconteceu no bairro Tarumã, após perseguição. Foto: DM/Banda B

Uma troca de tiros entre policiais e suspeitos de assalto à residência deixou moradores de uma tranquila rua do bairro Tarumã, em Curitiba, bastante assustados na manhã desta segunda-feira (17). Um dos bandidos foi baleado no ombro e socorrido ao Hospital Cajuru. Segundo a polícia, dois foram presos em flagrante assaltando uma casa no Jardim Social, um foi baleado em confronto e outro segue foragido.
Vizinhos notaram uma movimentação estranha dentro de uma casa de alto padrão do Jardim Social e acionaram a polícia, por meio do 190. Uma viatura chegou ao local quando quatro homens ainda estavam dentro da casa. Houve troca de tiros, dois foram detidos e dois conseguiram fugir com um veículo Ônix, roubado da família.
Houve perseguição pela avenida Victor Ferreira do Amaral e os bandidos quase atropelaram um motociclista. “Ele estava correndo muito aqui na Victor (Ferreira do Amaral) e quase me atropelou, vim correndo atrás dele e liguei pra polícia. Uma viatura abordou o cara, o carro estava com marca de tiros e tudo mais, pneu furado. Parece que um fugiu”. contou o motociclista à Banda B.
O motorista do carro foi detido na rua Engenheiro Alberto Monteiro de Carvalho, já no bairro Tarumã, onde ocorreu nova troca de tiros. O suspeito tem 22 anos, foi baleado no ombro e o Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate) o encaminhou ao Hospital Cajuru. O comparsa dele teria conseguido fugir, mas segue sendo procurado por viaturas da PM.

Janot: "As delações revelaram o caminho do dinheiro desviado"



Rodrigo Janot, entrevistado pelo Jota, fez a defesa completa das delações premiadas, em particular na Lava Jato:
"O crime organizado é estruturado para não deixar rastros, em qualquer de suas modalidades criminosas. A corrupção, por exemplo, é um crime bastante difícil de descobrir e de comprovar e o dinheiro da propina, que passa por um sofisticado processo de lavagem, geralmente não tem aparência suja, ficando fora do radar das autoridades. Praticada entre quatro paredes, o pacto do silêncio é da essência da corrupção e muitos dos atos oficiais são revestidos de aparente legalidade, situação que torna a probabilidade de punição inexpressiva.
Nesse cenário, a colaboração premiada se apresenta como um dos instrumentos mais vantajosos para revelar grandes esquemas criminosos e o caminho do dinheiro ilícito desviado. Aumenta a eficiência investigativa e otimiza os recursos financeiro e de pessoal do Estado, que são limitados, direcionando para diligências com maior chance de êxito. A lógica da colaboração é a da multiplicação, em que o colaborador amplia a visão do investigador para novos sujeitos e novos fatos criminosos, até que se desvende todo o arquétipo criminoso e se alcance a integralidade dos recursos públicos desviados. Importante dizer que a colaboração é, também, uma técnica de defesa e que a colaboração, em si, não tem força para gerar condenação de ninguém, uma vez que não é prova e sim um meio de obtenção de provas. As provas originadas do acordo, essas sim podem conduzir a condenações, como temos visto.
Tais vantagens, na prática, podem ser visualizadas no caso Lava Jato, que começou investigando esquemas de quatro doleiros e, após a celebração de 74 colaborações premiadas, sendo apenas 19 com pessoas presas, tornou-se a maior investigação de corrupção da história do Brasil.
O resultado parcial é o seguinte, considerando a atuação da PGR e da força-tarefa em Curitiba: 64 denúncias contra 287 acusados; 816 buscas e apreensões; 112 pedidos de cooperação jurídica internacional (sendo 94 pedidos ativos para 30 países e 14 pedidos passivos com 12 países); 81 prisões preventivas, 92 prisões temporárias, 6 prisões em flagrante e 174 conduções coercitivas; além de R$ 3,6 bilhões alvo de recuperação e mais R$ 38 bilhões de ressarcimento solicitado".

A tornozeleira da OAS



Os 3.000 credores da OAS encontraram uma forma de garantir que a empreiteira pagará o que lhes deve — cerca de R$ 2,8 bilhões.
Nos próximos 25 anos, uma companhia especializada vai vigiar todas as operações da empreiteira, para evitar que ela se envolva em novo petrolão, informa o Estadão.
As condições ficaram estabelecidas no plano de recuperação judicial que deve ser oficializado hoje pelo TJ-SP.

Processos mais rápidos



Rodrigo Janot disse ao Jota que "é hora de discutir o modelo para abreviar o rito do processo penal".
Sim: abreviar o rito e alongar as penas.

Exclusivo: A Lava Jato já sabe


Os pagamentos para a reforma do sítio em Atibaia foram contabilizados na planilha “Amigo”, com a qual a Odebrecht administrava o percentual de Lula nos contratos da empreiteira?
A Lava Jato já tem a resposta.

Cerca de 20 participaram do ATO contra prisão de Lula



Quantas pessoas participaram do ato contra a prisão de Lula?
Disse a Folha de S. Paulo:
"Cerca de 20 manifestantes fizeram uma vigília na madrugada desta segunda-feira na casa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em São Bernardo do Campo.
O evento aconteceu após a divulgação de um boato na internet de que Lula será preso a qualquer momento".
Agora a Lava Jato já sabe: quando finalmente prender Lula, "cerca de 20 manifestantes" vão protestar, 200 milhões vão babar e 1 vai defender o Estado de Direito.

Um, nenhum e cem mil na frente da casa de Lula



O blogueiro petista que vazou a prisão de Lula convocou manifestantes para o ato desta madrugada.
O entusiasmo pelo evento diminuiu de hora em hora.
As "quase mil pessoas" se transformaram rapidamente em "umas 50 pessoas".





Ninguém chora por Lula



Os petistas estão mobilizados contra a prisão de Lula.
Segundo o Brasil 247, “mais de mil pessoas fazem vigília na porta do prédio do ex-presidente, para impedir eventual ação da PF”.
O site informa que o protesto foi convocado pelo Facebook. A página indicada pelo Brasil 247 diz:
“A partir de amanhã 16 de Outubro, convidamos a todos a formar uma grande corrente de vigília pacífica e solidária em defesa do Lula.
Leve um balão (bixiga) branco e mensagens de agradecimento. Leve sua bandeira, faixa e seu coração, assim construiremos uma resistência silenciosa e profunda na mente de todos os brasileiros, que neste momento encontram-se tristes e deprimidos. Cada balão (bixiga) significará a lágrima não chorada, o pranto que não nasceu e o luto pelo fim de um projeto de um país melhor para todos”.
O evento, porém, que contava com 28 pessoas, foi cancelado.
As “mais de mil pessoas” citadas pelo Brasil 247 evaporaram exatamente como os 120 mil reais repassados por Milton Pascowitch.

O vazador vaza a prisão de Lula



Lula vai ser preso hoje.
É o que diz o blogueiro petista Eduardo Guimarães.
Trata-se do mesmo blogueiro que, em fevereiro deste ano, vazou a batida da PF contra Lula, na 24° fase da Lava Jato.
Ele disse:
“Este é um dia de muita tristeza para este blogueiro. Chegaram ao meu conhecimento informações fidedignas e verossímeis de que Lula pode ser preso a qualquer momento em um verdadeiro show que está sendo armado pela Globo em consórcio com a Lava Jato.
Toda grande imprensa já tem os detalhes da operação. Não será de espantar se a prisão ocorrer na próxima segunda-feira”.