STF abre 12° inquérito contra Renan



O ministro Dias Toffoli, do STF, autorizou a abertura de um novo inquérito para investigar Renan Calheiros.
Trata-se do 12° processo do presidente do Senado.
O Estadão diz que o caso tramita em segredo e apura os crimes de peculato e lavagem de dinheiro.

COLUNA DE SAÚDE DA SANTA CASA DE COLOMBO: FLUXOGRAMA


   
Nós Santa Casa de Colombo temos a prática de realizar periodicamente reuniões de equipe, visando aproximar a gestão do atendimento e compreendendo nossa realidade.
  Um assunto recorrente que surge é a dúvida do usuário quanto à interface Santa Casa/ Secretaria Municipal de Saúde no que diz respeito ao fluxo de encaminhamento e atendimento. Um fluxograma foi desenvolvido a partir de trabalhos de cooperação técnica entre nossa equipe e a da Secretaria Municipal de Saúde de Colombo e adotada como protocolo e que abaixo apresento ao leitor:

1.       ENTRADA DO PACIENTE A SANTA CASA
 



Com guia (Referência) da Unidade de Saúde, autorizada pela Central de Marcação de Exames.
2.       RECEPÇÃO
Retirar Senha (atendimento por ordem de chegada), conforme demanda da especialidade. (Pacientes internados vindos dos Prontos Atendimentos para realização de exame e/ou consulta terão prioridade, devido gravidade)
 



3.       RECEPÇÃO
Atendimento efetuado pela recepção – Cadastro – Abertura de Prontuário
 



4.       ENCAMINHAMENTO DO PACIENTE AO CONSULTÓRIO MÉDICO
 



5.       CONSULTA


6.       RETORNO NA RECEPÇÃO PARA INFORMAÇÃO:
a.       Retorno
b.      Exames
c.       Referência para outra especialidade


AbraSUS!

FECOMÉRCIO REPASSOU 180 MILHÕES A ADVOGADOS



Adriana Ancelmo, mulher de Sérgio Cabral, está na mira do Ministério Público por ter recebido R$ 13 milhões da Fecomércio por supostos serviços jurídicos. Mas ela não é a única.
Também são investigados Roberto Teixeira e Cristiano Zanin Martins, advogados de Lula, e Tiago Cedraz, filho de Aroldo Cedraz, além de outros advogados filhos de ministros do STJ.
A Fecomércio e o sistema Sesc/Senac do Rio, sob o comando de Orlando Diniz, que é amigo de Cabral, torraram R$ 180 milhões com bancas de advogados, aparentemente sem fundamento.
A investigação corre paralelamente à Operação Calicute e começou após representação do procurador junto ao TCU Júlio Marcelo de Oliveira

MPF pede prisão de mulher de Cabral



O MPF no Rio de Janeiro recorreu ao TRF-2 para pedir a prisão temporária de Adriana Ancelmo, mulher de Sérgio Cabral. Os procuradores da Operação Calicute já haviam pedido a prisão da advogada, mas o juiz Marcelo Bretas optou pela condução coercitiva.
O escritório Ancelmo Advogados recebeu R$ 35 milhões de várias empresas com contratos com o poder público ou concessionárias.
Segundo O Globo, dos dez maiores contratos de Adriana sete foram celebrados com empresas que receberam benefícios fiscais do governo fluminense entre 2008 e 2015. Mais de R$ 27 milhões são de contratos com grupos que receberam R$ 4 bi em isenções.
Ao todo, o governo de Cabral concedeu cerca de R$ 140 bilhões em benefícios fiscais.

Advogados de Lula querem prender Sergio Moro por até seis meses



Advogados de Lula querem que Sergio Moro seja condenado por abuso de autoridade, com pena de prisão de até seis meses.
E Renan Calheiros promete aumentar a pena.

Caminhada Novembro Azul mobiliza Colombo


WEBMASTER 18 DE NOVEMBRO DE 2016

O Movimento visa conscientizar os homens em relação à prevenção e ao combate ao câncer de próstata

_DSC2525A Caminhada Novembro Azul realizada nesta quinta-feira, 17, pela Prefeitura de Colombo, por meio da Secretaria de Saúde, marca o Movimento, que tem com objetivo principal, conscientizar o público masculino em relação à prevenção e ao combate ao câncer de próstata.
A ação teve início às 09h – em frente à Unidade Básica de Saúde Sede. Na ocasião, os participantes percorreram um trajeto pelas ruas do centro da cidade. A caminhada foi finalizada às 10h, em frente à Prefeitura Municipal de Colombo.
caminhada 2“Assim como o mês de outubro é dedicado às mulheres, como o objetivo de orientá-las a realizarem exames periódicos, que permitem o diagnóstico precoce, prevenção e ao combate ao câncer mama, – o mês de novembro é dedicado aos homens”, disse o Secretário de Saúde, Darci Martins Braga.
Neste ano, o Ministério da Saúde definiu o tema “O autoexame e coisa de homem: a prevenção está em suas mãos”. O objetivo da campanha e o autocuidado com foco na promoção integral da saúde do homem alertando a importância do cuidar da saúde.
_DSC2509Entre as mais diversas doenças que atingem os homens, o câncer de próstata é o segundo mais comum no Brasil e é de olho principalmente em quem não se cuida que a campanha Novembro Azul está nas ruas. À estimativa, segundo o INCA (Instituto Nacional de Câncer), é que em 2016 tenham mais de 61.200 novos casos registrados.
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo
Foto: Marcio Fausto/ PMC

Brasil vence Sul-Americano de atletismo com atletas colombenses


WEBMASTER 18 DE NOVEMBRO DE 2016

A presença dos colombenses Paulo César Bestel Blum e Vitor Gabriel Motin foram os grandes destaques da competição

O atleta Huan Carlos Rodrigues, 9º colocado na prova do salto triplo nos Jogos Escolares da Juventude.
O atleta Huan Carlos Rodrigues, 9º colocado na prova do salto triplo nos Jogos Escolares da Juventude.
A delegação brasileira que disputou o 23º Campeonato Sul-Americano sub-18 de atletismo.
A delegação brasileira que disputou o 23º Campeonato Sul-Americano sub-18 de atletismo.
O professor do Departamento de Esportes, Sidmar Andrigheto Gielow ladeado pelos atletas Vitor Gabriel Motin e Paulo César Bestel Blum.
O professor do Departamento de Esportes, Sidmar Andrigheto Gielow ladeado pelos atletas Vitor Gabriel Motin e Paulo César Bestel Blum.
A cidade de concórdia, na Argentina, foi palco da disputa do 23º Campeonato Sul-Americano Sub-18 de Atletismo, nos dias 12 e 13 de novembro. A competição contou com a participação de 11 países, entre eles o Brasil, que foi campeão dos naipes masculino e feminino, e também geral. E, a presença dos atletas colombenses Paulo César Bestel Blum e Vitor Gabriel Motin foram os grandes destaques.
O atleta Paulo César Bestel Blum concorreu à prova dos 10.000m marcha atlética, após uma prova disputadíssima, onde cinco dos dez participantes estavam entre os dez melhores do mundo. Paulo estava na segunda colocação até a última volta onde passou mal e acabou ficando com a 5ª colocação, com o tempo de 45 minutos e 29 segundos. “Poderia ter feito um dos melhores tempos do mundo, mas infelizmente senti ânsia de vomito o que me tirou da disputa por medalha e do podium, mas sei que posso estar entre os melhores do mundo em 2017”, afirmou Paulo César.
Já o também colombense Vitor Gabriel Motin conquistou a medalha de bronze na prova do lançamento do disco com a marca de 57,64m, uma das 25 melhores marcas do mundo neste ano. A prova foi vencida pelo atleta brasileiro Saymon Rangel com 60,93m, e a medalha de prata ficou com o chileno Claudio Romero, melhor do mundo nesta temporada, e na prova lançou 60,43m. Vitor ainda obteve a sexta colocação na prova do arremesso do peso, com a marca de 17,95m, melhor marca de sua carreira, e uma das 30 melhores marcas do mundo na temporada.
“Na temporada de 2017 tenho um Campeonato Sul-Americano e o Campeonato Mundial da minha categoria. A minha meta é primeiramente se classificar para estas competições e ai realizar uma preparação específica pra buscar medalha em ambas as competições” afirmou Vitor, que tem apenas 15 anos de idade.
Jogos escolares da juventude
 Simultaneamente ao Campeonato Sul-Americano acontecia na cidade de João Pessoa, na Paraíba – os Jogos Escolares da Juventude, etapa 15 a 17 anos, competição mais importante do Esporte Escolar Brasileiro, onde o município de Colombo esteve também representado. O atleta colombense Huan Carlos Rodrigues disputou a prova do salto triplo, e com a marca de 13,50m ficou com a nona colocação.
Os atletas fazem parte do “Projeto Atletismo Por Um Futuro Melhor – PRÓFUTURO”, desenvolvido pela Prefeitura Municipal de Colombo, por meio da Secretaria de Esporte, Cultura, Lazer e Juventude, que vem revelando talentos na modalidade de atletismo, medalhistas nacionais e internacionais, além de atender cerca de 200 crianças com idade entre nove e 17 anos.
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo
Foto: Divulgação/ PMC

Prefeita Beti Pavin participa do lançamento do SAMU Metropolitano nesta segunda-feira, 21


WEBMASTER 18 DE NOVEMBRO DE 2016

A partir do dia 1º de dezembro o município de Colombo passará a compor o Serviço de Atendimento Móvel de Urgências – SAMU 192 – Metropolitano

Ambulancias-novasAcontece nesta segunda-feira, 21, às 17h, a solenidade de lançamento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU 192 Micro Região Leste. Para a viabilidade da implantação do SAMU haverá uma parceria entre os municípios: Colombo, Pinhais e Piraquara que custearão por meio de rateio uma Unidade de Suporte Avançado de Vida para atender as legislações vigentes.
Vale ressaltar, que a partir do dia 1º de dezembro o município de Colombo passará a compor o Serviço de Atendimento Móvel de Urgências – SAMU 192 – Metropolitano. A Prefeitura de Colombo, por meio da Secretaria de Saúde disponibilizará duas ambulâncias, ou seja, Unidades de Suporte Básico de vida (USB) – que ficarão localizadas estrategicamente na Base do SAMU para integrar a rede.
Novo serviço
O novo serviço disponibilizado pela Prefeitura Municipal tem como principal objetivo chegar antecipadamente à vítima – após ter ocorrido alguma situação de urgência ou emergência de natureza clínica, cirúrgica, traumática, obstétrica, pediátrica e psiquiátrica.
“São casos que podem levar a sofrimento, as sequelas ou mesmo a morte. É de um serviço de Atendimento Pré-hospitalar (APH), que visa conectar as vítimas aos recursos que elas necessitam e com a maior brevidade possível”, explica o Secretário de Saúde, Darci Martins Braga.
Para a Prefeita de Colombo, Beti Pavin será um importante avanço na área da saúde do município. “Vamos fazer parte de uma grande rede, pois o SAMU regional não tem fronteiras. Dessa maneira se algum paciente necessitar do serviço e a ambulância de um município já estiver em um atendimento e surgir outra urgência no mesmo loca, uma unidade de outro município poderá ser deslocada para atendê-lo”, explica a prefeita.
Vale lembrar que a Prefeitura ao compor o SAMU passa a ter acessos a outras Centrais de Regulação fortalecendo desta forma a rede de Urgência e Emergência, possibilitando a abertura de outras portas de entrada do nível terciário minimizando o tempo de permanência dentro das nossas Unidades de Pronto Atendimento.
Sobre o atendimento
O atendimento do SAMU começa a partir do chamado telefônico, quando são prestadas orientações sobre as primeiras ações. O serviço pode ser acessado gratuitamente pelo número 192, a partir de qualquer telefone, fixo ou móvel. “Em seguida, as chamadas são remetidas ao Médico Regulador, que presta orientações às vítimas e aciona as ambulâncias quando necessário”, ressalta Dr. Braga.
A base provisória do SAMU Metropolitano em Colombo, ficará localizada ao lado do Pronto Atendimento do Alto Maracanã com o intuito de otimizar o tempo resposta entre os chamados da população e o encaminhamento aos serviços de saúde de referência.
Serviço:
Lançamento SAMU Metropolitano
Data: 21/11/16
Horário: 17h
Local: Pinhais – Rua Wanda dos Santos Mallmann, 710 – Centro
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo
Foto: João Senechal/ PMC

Hora de agir com firmeza, cidadãos contra políticos desonestos



Recebemos a seguinte nota:
"O Instituto dos Advogados de São Paulo (IASP), juntamente com diversas outras entidades, está convocando uma entrevista coletiva para a próxima segunda-feira (21), às 15h, na sede do Instituto, em São Paulo, onde será divulgado um manifesto contra a tentativa de parlamentares de anistiar a prática de caixa 2.
Estarão presentes:
O presidente do IASP, José Horácio Halfeld Rezende Ribeiro;
O jurista Miguel Reale Júnior;
O procurador Felipe Locke (Ministério Público);
O presidente da Associação dos Juízes Federais de São Paulo e Mato Grosso do Sul – Ajufesp, Fernando Mendes;
O líder do Movimento Vem pra Rua, Rogerio Chequer"

Garotinho delator?



Reproduzimos mais cedo, com exclusividade, áudio em que Garotinho diz que queriam mandá-lo para Bangu porque ele tinha encontro com Rodrigo Janot, na quarta-feira, para "entregar o resto da quadrilha".
A decisão de Luciana Lóssio parece tão precária quanto à do juiz que determinou sua transferência para o presídio. Podemos estar diante de um mero subterfúgio para garantir uma eventual delação do ex-governador.
O alvo? O resto da quadrilha de Sérgio Cabral, claro.

Ato contra o golpe da corrupção


O Vem Pra Rua decidiu convocar manifestações no domingo, 20, contra a tentativa do Congresso de enterrar as dez medidas contra a corrupção. A mensagem em sua página no Facebook é clara: “corruptos estão tentando destruir todos os avanços que estamos conquistando”.

O primeiro dia Cabral na cadeia


Sérgio Cabral divide uma cela de nove metros quadrados no presídio Bangu 8, inaugurado por ele, com cinco de seus ex-assessores, presos na mesma Operação Calicute.
Estão todos de cabelos aparados, camisa verde, calça azul e chinelos.
Mais cedo, comeram café com leite e pão com manteiga. Almoçaram arroz com feijão, picadinho de carne e batata palha.

Cabral, presidiário


A Secretaria de Administração Penitenciária do Rio divulgou imagens do preso Sérgio Cabral:

Preso, Cabral tem a cabeça raspada e come pão com manteiga em Bangu


Dono de imóveis luxuosos, peemedebista passou a noite em uma cela de nove metros quadrados em unidade do complexo penitenciário inaugurada por ele quando era governador do Rio de Janeiro. Conheça o cardápio oferecido a ele e aos demais presos


Fernando Frazão/ABr
Cabral é acusado de corrupção e lavagem de dinheiro em esquema que envolvia empreiteiras e grandes obras feitas no Rio de Janeiro
 

Em vez de ternos bem cortados ou camisa social, camiseta branca e calça jeans. No lugar de uma mesa bem posta de café da manhã, apenas pão com manteiga e café com leite. Essa é a realidade com a qual o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral (PMDB) se deparou ao acordar, nesta sexta-feira (18), no complexo penitenciário de Gericinó, em Bangu, no Rio. O peemedebista teve a cabeça raspada, prática adotada com os demais presos da unidade, assim que chegou ao presídio, ainda ontem à noite. Dono de imóveis luxuosos, Cabral passou a noite em uma cela de nove metros quadrados.
O cardápio do almoço e do jantar em nada lembra o oferecido em sua residência ou em restaurantes de luxo que frequentava, no Brasil ou no exterior. O ex-governador deve almoçar arroz ou macarrão, feijão, farinha, carne branca ou vermelha, legumes, salada, sobremesa, além de um refresco. No lanche, serão servidos pão com manteiga ou bolo e um guaraná. O político conhece bem a ala onde está preso: foi ele, como governador, que inaugurou a unidade, em 2008.
Principal alvo da Operação Calicute, derivada da Lava Jato, Cabral é acusado de liderar um esquema de corrupção que desviou mais de R$ 220 milhões dos cofres públicos, segundo estimativa da Polícia Federal e do Ministério Público Federal. Outras nove pessoas ligadas a ele também foram presas por determinação da Justiça do Rio e do Paraná.
Uma das acusações é de que o ex-governador recebia mesada de até R$ 500 mil de empreiteiras, além de joias e outros objetos de luxo dados por empreiteiras com contratos com o governo estadual durante sua gestão, entre 2007 e 2014. Entre as obras fraudadas citadas no pedido de prisão estão a reforma do Maracanã, o PAC das Favelas, o Arco Metropolitano e o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj).
Além de Cabral, outro ex-governador também está preso em Bangu. Anthony Garotinho (PR) foi transferido no final da noite. Ele é acusado de coagir testemunhas e utilizar um programa social da prefeitura de Campos (RJ), o Cheque Cidadão, para comprar votos. O município é administrado por sua mulher, a ex-governadora Rosinha Garotinho. Ele nega irregularidades e diz que sua prisão é ilegal e arbitrária.

Richa e ministros abrem encontro de prefeitos eleitos em Foz do Iguaçu


richa-e-araujo
O governador Beto Richa, os ministros Bruno Araújo (Cidades), Helder Barbalho (Integração Nacional) e Ricardo Barros (Saúde) e a secretária do Tesouro Nacional, Ana Paula Vescosi, participam entre os dias 30 de novembro e 2 de dezembro, em Foz do Iguaçu, do encontro de prefeitos eleitos do Paraná para o período 2017-2020. Richa fará a abertura oficial do evento no dia 30 de novembro e o presidente do BID, Luís Alberto Moreno, fará a conferência magna do dia 1º de novembro.
Participam ainda do encontro, a vice-governadora Cida Borghetti, Ademar Traiano (presidente da Assembleia Legislativa), Ivan Bonilha (presidente do Tribunal de Contas do Estado), os secretários Michele Caputo (Saúde), Douglas Fabrício (Esporte e Turismo), Mauro Ricardo Costa (Fazenda) e Ratinho Junior (Desenvolvimento Urbano), o presidente da Fomento Paraná, Juraci Barbosa Sobrinho, deputados, senadores e vereadores.

O PT e seu faz de conta


FILES-BRAZIL-POLITICS-CORRUPTION-LULA
Editorial, Estadão
O partido que veio para mudar a cara do Brasil não consegue mais se entender e os motivos pelos quais seu projeto de poder jogou o País no caos transparecem claramente nas divergências cada vez mais insanáveis em torno das quais se engalfinham os vários grupos que compõem a legenda. Enquanto o PT esteve no poder, bem ou mal havia uma razão para sustentar alguma coesão entre suas principais correntes. Mas, a partir do momento em que, refletindo a sentença implacável dos brasileiros – ao final contundentemente confirmada nas urnas municipais –, as instituições republicanas apearam o lulopetismo do pedestal em que pretendia se perpetuar, o PT não conseguiu mais se livrar do estigma que persegue a esquerda populista, de modo especial, nas democracias do chamado Terceiro Mundo: a incapacidade de articular suas várias tendências em torno de um objetivo político comum. É claro que essa conjectura depende de que se aceite o discutível princípio de que o lulopetismo, facção dominante do PT, constitui efetivamente um movimento político de esquerda.

O PT está dividido em duas grandes tendências: de um lado o grupo majoritário, Construindo um Novo Brasil (CNB), comandado pelo carismático pragmatismo e pela mão de ferro de Lula. De outro, as correntes ditas ideológicas reúnem-se no Movimento Muda PT, para o qual “sem mudar, o PT não conseguirá cumprir o papel de instrumento de emancipação da classe trabalhadora brasileira e de esperança para as novas gerações que lutam por democracia e direitos da cidadania”. É o que afirma, em jargão característico, artigo do deputado e ex-ministro Pepe Vargas (RS), publicado no site da facção Mensagem ao Partido, a segunda maior do PT.
Sob o título É proibido falar de PED?, Vargas condena o Diretório Nacional, que por inspiração de Lula, na tentativa de manter o partido unido, “jogou uma ducha de água fria em quem acreditava em mudanças” na legenda. PED é a sigla para Processo de Eleições Diretas, sistema interno de escolha de dirigentes por meio do qual Lula e sua turma mantêm desde sempre um rigoroso controle do PT. A CNB defendia a manutenção do PED, rejeitado pelo Muda PT sob a alegação de que é um sistema “manipulado” pelo alto comando do partido. Para contemporizar, Lula articulou então uma mudança no sistema, por meio da qual só serão eleitos doravante os dirigentes municipais, que se encarregarão de deflagrar o processo indireto de escolha das instâncias dirigentes superiores do partido.
O Muda PT, no entanto, não está satisfeito com a “gambiarra” de Lula, como mostra o artigo de Vargas: “A eleição dos delegados ao Congresso através do método do PED permite a manutenção de práticas que precisam ser abolidas definitivamente da vida partidária (…) uma versão petista dos tradicionais currais eleitorais”.
Essa queda de braço entre a CNB e o Movimento Muda PT espelha a grande cisão provocada pela crise na qual o partido está mergulhado. De um lado, o grupo majoritário submisso à vontade de Lula que impôs inicialmente ao País um programa de governo populista que objetivava primordialmente consolidar o projeto de poder do lulopetismo. De outro lado, principalmente a partir de seu segundo mandato, Dilma Rousseff – assessorada pela esquerda petista – achou que tinha força e competência para dar ao populismo de seu criador e antecessor um acentuado conteúdo ideológico consubstanciado na “nova matriz econômica” que levou o governo à gastança desenfreada e a economia brasileira ao fundo do poço.
Transformado em partido sem voto, o PT e suas várias correntes se curvam agora à evidência de que precisam se reinventar para sobreviver. Mas Lula e sua turma dificilmente abrirão mão do comando, pela razão óbvia de que o PT é Lula e vice-versa. E a esquerda, por sua vez, não consegue nem administrar a soberba, como está claro na manifestação de Pepe Vargas: “O PT é atacado pela classe dominante e seus aparatos de dominação menos pelos erros do que por seus acertos no governo, ao promover a inclusão social e o desenvolvimento soberano do País”. Pois foram exatamente os extraordinários resultados da fantástica “inclusão social” e do espetacular “desenvolvimento soberano do País” que transformaram o PT em partido sem voto.