Lula aposta no tumulto


ademar-traiano-foto-psdb
Ademar Traiano
A defesa de Lula abriu mão de qualquer tentativa séria de demonstrar a inocência de seu cliente e aposta tudo na tentativa de tumultuar os inquéritos em que o ex-presidente é acusado, com fartas evidências, de uma série de crimes graves.
Entre eles o de chefiar uma organização criminosa, de lavar dinheiro, de ocultar patrimônio, de usar cargo público para obter vantagens financeiras pessoais e até mesmo de furtar itens do patrimônio da Presidência da República.

Para enfrentar essas acusações, algumas gravíssimas, os defensores de Lula, todos advogados de primeira linha, partiram, talvez por falta de opção, para a pantomima pura e simples. A falta de limites chegou ao ponto de pedir a prisão do juiz Sergio Moro.
Denunciam ainda suposta perseguição ao cliente na ONU. Em audiências tentam desestabilizar Moro, sugerindo que se trata de um agente da CIA encarregado da missão de entregar o nosso pré-sal aos americanos. Uma fantasia popular nas alas mais infantis do petismo, mas absolutamente sem sentido no mundo real.
A aposta nesse tipo de estratégia, focada no deboche, é lamentável. Deixa claro que os advogados de Lula abandonaram qualquer expectativa de demonstrar sua inocência. Passaram a centrar sua defesa no tumulto, o que não deixa ser uma confissão de culpa. Uma culpa que o Brasil deseja ver punida, dentro da lei, mas com rigor.
Ademar Traiano é deputado estadual, presidente da Assembleia Legislativa do Paraná e presidente do PSDB do Paraná.
(foto: PSDB)

Edital de Divulgação Sessão Ordinária 29/11/2016 da CÂMARA DE COLOMBO




 O Presidente da Câmara Municipal de Colombo, no uso de suas atribuições legais, divulga a pauta da Sessão Ordinária a ser realizada no dia 29/11/2016, às 16 horas

 Indicação N°: 536 Autor: Anderson F. da Silva Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Estudo para instalação de iluminação com colocação de luminárias de led na frente do Colégio Estadual Antonio Lacerda Braga e em torno do Terminal Maracanã na Rua Abel Scuissiato.

 Indicação N°: 537 Autor: Renato Tocumantel Destinatário: Secretaria Municipal de Urbanismo Assunto: Viabilizar estudos para implantação de um ponto de ônibus com cobertura. Na Rua Paschoa Lazarroto Toniolo próximo ao nº 1228, esquina com a Rua Pedro D Agostín

 Indicação N°: 538 Autor: Eurico Braz de Bomfim Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Solicito que seja realizada a avaliação da situação de um terreno com barranco na Rua Romano Mocelin, número 187, no bairro Jardim Arapongas.

 Indicação N°: 539 Autor: Estefano Polichuk Destinatário: Secretaria Municipal de Planjemento Assunto: Estudos para construção de uma cancha de bocha no bairro Rio Verde, ao lado do terminal de transporte escolar, mais precisamente na antiga cancha de areia da região.

 Indicação N°: 540 Autor: Estefano Polichuk Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Substituição de quatro metros de meio fio na Avenida Madrid, esquina com Avenida Londres.

 Indicação N°: 541 Autor: Estefano Polichuk Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Conserto do corrimão na entrada da Avenida Argentina, esquina com Estrada da Ribeira, próximo à empresa Carrocerias Valle.

 Indicação N°: 542 Autor: Eurico Braz de Bomfim Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Solicito que seja efetuada manutenção na academia ao ar livre do Bairro Guaraituba situada a Rua Pedro do Rosário.

 Indicação N°: 543 Autor: Eurico Braz de Bomfim Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Solicito que seja efetuada manutenção na academia ao ar livre do bairro Jardim Cristina, situada na Rua Leônidas Albert.

 Indicação N°: 544 Autor: Eurico Braz de Bomfim Destinatário: Secretaria Municipal de Obras e Viação Assunto: Solicito que seja efetuada manutenção na academia ao ar livre do bairro Jardim Paloma, situada na Rua Cerro Azul.

 Indicação N°: 545 Autor: Renato Tocumantel Destinatário: Secretaria Municipal de Urbanismo Assunto: Estudos para desenhar o nome do Município de Colombo no barranco na entrada de Colombo próximo ao Terminal Maracanã com acesso pela Estrada da Ribeira que vem de Curitiba e plantar a arvore buxinho no desenho,assim formando o nome do Município.

Tribuna Livre: Sociedade Bíblica do Brasil. Assunto: Sociedade Bíblica do Brasil e sua contribuição para a sociedade.

 Colombo, 28 de novembro de 2016.


 WALDIRLEI BUENO DE OLIVEIRA

Presidente

Deputados querem saber quem ganha salário acima do teto no Paraná


Por Felipe Ribeiro

A Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) aprovou, nesta segunda-feira (28), pedido de informações sobre o pagamento feito a servidores públicos em cinco órgãos do estado. A solicitação foi feita pelo deputado Tadeu Veneri (PT), que justificou ser necessário saber se algum funcionário ou quantos deles recebem vencimentos acima do limite constitucional de R$ 33.763.
Pedido foi aprovado nesta segunda (Foto: Pedro Oliveira/Alep)
Pedido foi aprovado nesta segunda (Foto: Pedro Oliveira/Alep)
De acordo com Veneri, é justo que a população saiba os vencimentos de todos os servidores, ainda mais em um momento de discussão de orçamento na Alep. “Estamos vivendo um período de bastante contradição com relação aos debates que são feitos no que envolve o serviço público. Entre eles, está a imunidade parlamentar, o fim do foro privilegiado e também o fato de você ter juízes e promotores sendo responsabilizados pelos atos, o que acredito que deve acontecer. O debate dos valores pagos acima do teto também vem sendo feito há bastante tempo e queremos uma resposta se o estado possuí servidores nesta condição”, explicou.
Inicialmente o pedido foi encaminhado ao Tribunal de Contas do Estado (TCE), Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR), Ministério Público do Paraná (MP-PR), ParanáPrevidência e Governo do Paraná. Na terça-feira (29), o pedido ainda deve incluir a Assembleia Legislativa.
Para o deputado Luiz Carlos Martins (PSD) o pedido de informações é da maior importância para o momento em que o Brasil passa. “É preciso transparência em um momento que todo mundo está apertando o cinto. Por que só o povo e os mais pobres precisam apertar esse cinto? Quais são os salários do Paraná que passam do teto, queremos saber. Não importam nomes e parentesco, isso precisa ser divulgado”, disse.
O líder do governo Beto Richa (PSDB) na Alep, Luiz Cláudio Romanelli encaminhou favoravelmente ao pedido de informações. Apenas o deputado Stephanes Júnior (PSB) votou contra o pedido.

Adolescente de 14 anos mata a mãe que não queria liberar cartão de crédito


Por Luiz Henrique de Oliveira e Djalma Malaquias


Um crime que choca a cidade de Imbituva, localizada a 177,5 km de Curitiba, nos Campos Gerais, aconteceu durante a madrugada desta segunda-feira (28). Uma adolescente de 14 anos foi apreendida por matar a mãe a facadas, por volta das 2h, na residência em que ambas moravam. A motivação seria uma decisão de Lucimara Hass, de 50 anos, de não emprestar o cartão de crédito à filha.
morte
Lucimara foi assassinada pela filha de 14 anos (Foto: Reprodução Facebook)
Lucimara foi esfaqueada quando dormia, de acordo com o escrivão Marcos, da Delegacia de Imbituva. “Parece que ela a atacou e a mãe chegou a reagir, mas acabou levando as facadas. Agora estamos apurando, porque parece que outra pessoa, um amigo dela, participou do crime”, relatou.
Fria, a menina de 14 anos foi quem entrou em contato com a Polícia Militar (PM). “Ela ficou na casa e avisou os policiais militares. Aqui na delegacia confessou o crime. Foi premeditado, porque ela tinha trocado mensagens com um amigo falando que queria cometer o assassinato”, explicou o escrivão.
A filha está sendo ouvida nesta segunda-feira na delegacia. O fato da mãe não liberar o cartão de crédito teria motivado tudo. “Seria essa questão financeira. O que chama a atenção é que parece que as duas tinham uma boa relação”, concluiu Marcos.
Segundo o delegado Guilherme Luiz Dias, a adolescente foi incentivada por amigos para que matasse a mãe. Assim, poderia fazer compras no cartão de crédito que tem um limite de R$ 10 mil.

Professora de 49 anos é morta com tiro na cabeça em tentativa de assalto em Curitiba


Por Luiz Henrique de Oliveira e Flávia Barros


Uma mulher de 49 anos foi morta em uma tentativa de assalto contra uma residência na Rua Eduardo Pinto da Rocha no bairro Sítio Cercado, em Curitiba, por volta das 14h30 desta segunda-feira (28). Segundo testemunhas, dois homens armados invadiram o local e renderam a família; pai, mãe e filho.
sitio-fora
Mulher foi executada a tiros durante assalto (Foto: Flávia Barros – Banda B)
Claudete Farias do Rocio Scrocaro teria pedido a bolsa para os marginais e, apenas por ter falado, teria sido executada. Ela é separada do dono da residência, mas costumava dormir no local na segunda-feira, quando cuidava da residência
“O dono tentou correr atrás quando eles já tinha atirado na ex-mulher dele e acertado o filho de raspão. Eles iam levar a caminhonete e a senhora pediu que os dois deixassem a bolsa, mas atiraram contra ela”, lamentou à Banda B uma vizinha da vítima fatal, que não quis se identificar.
De acordo com a vizinha, a mulher foi executa a sangue frio. “Um estava armado e eles fugiram. Não dá para acreditar no que aconteceu. A Polícia Militar (PM) chegou e agora foi atrás dos ladrões”, concluiu.
A Delegacia de Furtos e Roubos (DFR) investiga o caso. A PM faz buscas na região, mas até o momento sem sucesso. Claudete era professora e, além do filho que presenciou o crime, deixa outros dois fruto do relacionamento que tinha terminado há alguns meses.

BB E BUMLAI: UM CURIOSO 10 DE DEZEMBRO



O Antagonista teve acesso a dez pedidos de execução da Usina São Fernando, de José Carlos Bumlai, por dívidas não pagas ao Banco do Brasil.
Os dez pedidos de execução, com respectivos pedidos de busca e apreensão de bens, totalizam 121 milhões e 791 mil reais.
A São Fernando contraiu tais débitos entre agosto de 2010 e julho de 2012. No entanto, dos dez pedidos de execução, um data de 16 de dezembro de 2015, um segundo de 17 de dezembro e todos os outros de 10 de dezembro do mesmo ano.
É no mínimo curioso que o Banco do Brasil:
a) Tenha emprestado a maior parte dessa fábula a uma empresa em imensas dificuldades: 109 milhões foram emprestados em julho de 2012; a São Fernando entraria em recuperação judicial em abril de 2013;
b) Tenha decidido executar essas dívidas da São Fernando em apenas um dia ou, se incluírmos os pedidos de 16 de dezembro e 17 de dezembro, numa única semana;
c) Tenha resolvido executar essas dívidas da usina de José Carlos Bumlai somente poucos dias depois da prisão do pecuarista.



Festival de Futsal é realizado em Colombo


WEBMASTER 28 DE NOVEMBRO DE 2016

Ao todo, nove escolas municipais participaram do evento – os alunos fazem parte do Programa Mais Educação

 A Escola Municipal Doutor Manoel Costacurta sagrou-se campeã.
A Escola Municipal Doutor Manoel Costacurta sagrou-se campeã.
O Festival de Futsal de Colombo reuniu 135 alunos.
O Festival de Futsal de Colombo reuniu 135 alunos.
Os alunos participantes fazem parte do Programa Mais Educação e integram nove escolas do município.
Os alunos participantes fazem parte do Programa Mais Educação e integram nove escolas do município.
O Festival de Futsal de Colombo reuniu 135 alunos na última quinta-feira, 24, no Ginásio Gilmar Antônio Pavin. O evento foi realizado pela Prefeitura de Colombo, por meio da Secretária de Esporte, Cultura, Lazer e Juventude em parceria com a Secretária de Educação.
Os alunos participantes fazem parte do Programa Mais Educação e integram nove escolas do município. A Escola Municipal Doutor Manoel Costacurta sagrou-se campeã. O segundo lugar ficou com a Escola Municipal Antônio Costa e fechando o pódio, a Escola Municipal Barão de Mauá, ficou com a terceira posição.
Todos os atletas receberam medalhas e cada escola ganhou um troféu de participação. O secretário de Esporte, Cultura, Lazer e Juventude, José Mauri Henemann, destacou a importância da competição entre os jovens. “Vamos continuar trabalhando para incentivar cada vez mais o esporte nas escolas e contar com a intensa participação dos alunos. É daqui que podem sair grandes profissionais da quadra”, disse.
Confira a classificação completa:
1º Escola Municipal Doutor Manoel Costacurta
2° Escola Municipal Antônio Costa
3º Escola Municipal Barão de Maua
4º Escola Municipal Pedro Viriato Parigot de Souza
5º Escola Municipal Ângelo Falavinha Dalprá
6º Escola Municipal Jardim das Graças
7º Escola Municipal Jardim Ana Maria
8º Escola Municipal Santa Fé
9º Escola Municipal Juscelino Kubitschek
_DSC4258 _DSC4265 _DSC4267 _DSC4276 _DSC4277 _DSC4289
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo
Foto: João Senechal/ PMC

A 54ª edição da Festa da Uva de Colombo já tem suas representantes


WEBMASTER 28 DE NOVEMBRO DE 2016

As candidatas ao concurso que elege a corte da tradicional Festa da Uva de Colombo desfilaram neste sábado e quem conquistou a coroa da rainha foi Jéssica Ferraz

Jéssica Ferraz recebeu o título de Rainha da 54ª Festa da Uva de Colombo.
Jéssica Ferraz recebeu o título de Rainha da 54ª Festa da Uva de Colombo.
Jéssica Ferraz - atual Rainha, a 1ª Princesa Suellen Renata Cecon e a 2ª Princesa Laiane Pedroso Marinheiro. Já o título de miss simpatia ficou para a Karina Barbosa da Silva.
Jéssica Ferraz – atual Rainha, a 1ª Princesa Suellen Renata Cecon e a 2ª Princesa Laiane Pedroso Marinheiro. Já o título de miss simpatia ficou para a Karina Barbosa da Silva.
Na noite do último sábado (26) foi realizado o Concurso da Rainha da Festa da Uva, o concurso elege a corte da tradicional 54º Festa da Uva de Colombo, que acontecerá entre os dias 09, 10, 11 e 12 de fevereiro. A rainha da edição de 2017 do evento, eleita com 199 pontos foi a Jéssica Ferraz, ao lado está princesas Suellen Renata Cecon eleita com 193 pontos e Laiane Pedroso Marinheiro eleita com 187 pontos. Já o título de miss simpatia ficou para a Karina Barbosa da Silva.
O anúncio aconteceu no Pavilhão de Eventos do Parque Municipal da Uva, em Colombo. No evento, as 13 candidatas a soberana da tradicional festa desfilaram e foram avaliadas pelos sete jurados que compuseram a mesa julgadora. O Concurso foi dividido em três etapas, a primeira foi o desfile em duplas com o Traje Típico de Camponesa, a segunda o desfile também foi em duplas, mas dessa vez com o Traje de Gala, a terceira etapa do concurso foi realizada por meio de um desfile individual quando cada candidata, ao final, respondia a uma das seis perguntas da organização que tratavam sobre a cultura italiana, o município de Colombo, a Festa da Uva, e o porquê ser Rainha da Festa da Uva.
As 13 candidatas foram avaliadas pelos jurados por três quesitos, o primeiro foi à comunicação, a simpatia e a empatia com o público, o segundo foi à estética, a beleza e a elegância e o terceiro foi à postura e a desenvoltura na passarela. Ao final, quando todas retornaram à passarela, a atual rainha que representou a festa em 2016, Andry Simão passou à coroa a rainha eleita, Jéssica Ferraz.
O concurso contou com a apresentação do jornalista Osni Mendes e da ex-rainha da Festa da Uva 2014, Jhuly Goulart .
O concurso contou com a apresentação do jornalista Osni Mendes e da ex-rainha da Festa da Uva 2014, Jhuly Goulart .
Jurados
A mesa julgadora foi composta pelo assessor Luiz Henrique Fernandes da Silva da Secretaria de Estado da Cultura – representando o secretário – João Luiz Fiani; representando a Secretaria de Cultura de Pinhais, Arnaldo Silveira; a jornalista do Jornal União, de Campina Grande do Sul, Francine Santos, as jornalistas do Portal Paraná Aqui, Ana Maria de Jesus e Priscila Dutra, o cientista político Ivan Moraes representando o blog político Esmael Moraes, a modelo e apresentadora da Band TV, Nadia Kelly Rocha. Os critérios para escolha foram estabelecidos de acordo com o regulamento do evento e da Comissão Organizadora da Festa da Uva. Já a apresentação musical ficou por conta da talentosa cantora colombense, Taisa Pavin.
Autoridades presentes
Entre as autoridades presentes estavam: o ex-prefeito de Colombo e administrador da Regional Maracanã, João Dalprá; os secretários de Comunicação Social, Amauri Cardozo; de Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho, Antônio Ricardo Milgioransa; o de Agricultura e Abastecimento, Márcio Toniolo; os vereadores, Sidnei Campos, Dolíria Strapasson, Pelé, Ratinho e Sergio Pinheiro. E, também o superintendente da Colombo Previdência, Eliseu Ribeiro.

Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo
Fotos: Marcio Fausto e João Senechal/ PMC

Prefeita beti Pavin firma convênio para conservação do rio Palmital


WEBMASTER 28 DE NOVEMBRO DE 2016

Termo de cooperação assinado com a Sanepar prevê um plano para área de manancial de abastecimento

Autoridades presentes no ato realizado às margens do rio Tumiri, em alusão ao Dia do Rio, comemorado em 24 de novembro
Autoridades presentes no ato realizado às margens do rio Tumiri, em alusão ao Dia do Rio, comemorado em 24 de novembro
Prefeita assina termo de cooperação com a Sanepar que prevê a elaboração de um Plano de Conservação para a bacia hidrográfica do rio Palmital
Prefeita assina termo de cooperação com a Sanepar que prevê a elaboração de um Plano de Conservação para a bacia hidrográfica do rio Palmital
Crianças participam do plantio de cinco Araucárias, no Parque Municipal da Uva que simbolizou a parceria firmada entre a Prefeitura e a Sanepar
Crianças participam do plantio de cinco Araucárias, no Parque Municipal da Uva que simbolizou a parceria firmada entre a Prefeitura e a Sanepar
A Prefeita Beti Pavin assinou neste dia 26, no Parque da Uva, às margens do rio Tumiri, um termo de cooperação com a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) que prevê a elaboração de um Plano de Conservação para a bacia hidrográfica do rio Palmital, área de manancial de abastecimento de Colombo. Esta iniciativa foi realizada em alusão ao Dia do Rio, comemorado em 24 de novembro.
“Temos todos que fazer a nossa parte, para preservar e recuperar os nossos rios. Desta forma, nós, enquanto poder público, viabilizamos estas ações através deste e de outros projetos, e chamamos a população para estar junto conosco, para que em conjunto, a gente avance para melhorarmos significativamente a qualidade das águas em nosso município”, pronunciou a Prefeita Beti durante a assinatura do termo.
Para o secretário municipal de Meio Ambiente, Evandro Busato, este é mais um importante passo para que aconteçam diversas atividades a serem desenvolvidas por esta parceria. “Com mais este trabalho, acontecerá a melhoria e manutenção da qualidade socioambiental da área, e consequentemente segurança hídrica do manancial”, destacou Busato.
Segundo o diretor de Meio Ambiente e Ação Social da Sanepar, Glauco Requião, o município de Colombo tem uma grande preocupação com a preservação e proteção dos seus recursos naturais. “A escassez da água é um tema que tem se discutido muito, e fazer parte deste momento só confirma que teremos mais avanços e o meio ambiente e as futuras gerações só têm a agradecer”, afirmou.
E como forma de simbolizar a parceria firmada, a programação contou, além da assinatura do termo, com o plantio de cinco Araucárias, no Parque Municipal da Uva. Participaram do evento Mayra de Lara, representando o gerente URCT Norte, Paulo Marini; Stiverson Oliveira, Assessor da DMA da Sanepar; Gustavo Posseti, gerente da Assessoria e Pesquisa de Desenvolvimento da Sanepar; Antonio Borges dos Reis, coordenador de Conservação dos Mananciais da Sanepar, e Mario Celso, Coordenador do Grupo Gestor de Revitalização do rio Iguaçu.
Também estavam presentes o arquiteto Guilherme Klock, representando o prefeito eleito de Curitiba Rafael Greca; Marlene Zuklinski, diretora presidente do Grupo de Escoteiros Cristóvão Colombo; secretário de Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho, Antonio Ricardo Milgioransa; os vereadores Dolíria Strapasson e Sidinei Campos, que integra o Conselho Municipal de Meio Ambiente, servidores municipais e a população em geral.
Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo
Foto: João Senechal/PMC

Garotinho cogita pedir proteção policial



Anthony Garotinho analisa pedir proteção policial, porque teme pela sua vida, segundo declarou sua filha, Clarissa, ao Estadão.
Réu em processo na Justiça Eleitoral por suspeita de compra de votos, o ex-governador se autodenominou um “homem-bomba” e afirma possuir provas de corrupção contra “105 pessoas e empresas.”
A dúvida é: como um homem público chega a documentar tantos casos de corrupção, sem se sentir civicamente impelido a denunciá-los?

MAIS UM GOLPE CONTRA A LAVA JATO (2)



Outra emenda para calar os magistrados, embutida no pacote das medidas anticorrupção que a Câmara pretende votar.
Essa (clique aqui) foi proposta pelo deputado Ronaldo Fonseca (PROS-DF) e torna crime a violação dos direitos ou prerrogativas dos advogados.
Se aprovada, a condução coercitiva ou prisão de um advogado poderá ser punida com até dois anos de cadeia para o juiz ou promotor que a requisitar.
A medida é defendida pela OAB para equilibrar “as armas”, segundo seu presidente nacional, Claudio Lamacchia.

MAIS UM GOLPE CONTRA A LAVA JATO



Mais um golpe contra a Lava Jato está sendo armado.
O deputado Weverton Rocha, do PDT, proporá uma emenda às Seis Medidas que estrangula juízes e procuradores.
O crime de responsabilidade dos magistrados poderá ser aplicado para cercear opiniões e até para impedir a instauração de processos.
Qualquer cidadão poderá denunciar membro do Ministério Público perante o tribunal ao qual está vinculado.
O deputado diz que “não é incomum verificar que muitos membros do MP têm atuado além dos seus limites, oferecendo denúncias desprovidas de fundamentação mínima”.
Os membros da ORCRIM continuam no ataque. Agora eles querem acabar com as garantias constitucionais do MP e magistrados para defender a sociedade.
Note-se: a emenda foi assinada por PDT, DEM, PTB, PR, PP, PSC.

Item 1: fim do foro



José Maranhão, presidente da CCJ do Senado, cumpriu o prometido publicamente: a PEC do fim do foro privilegiado é o primeiro item da pauta desta quarta-feira no colegiado:

Zum-zum-zum contra as 10 Medidas




Onyx Lorenzoni ficou feliz com a promessa de Michel Temer de não patrocinar a anistia ao caixa 2, mas disse que teme "coisa pior” vinda do Congresso.
“Há um zum-zum-zum muito forte dentro da Câmara dos Deputados de que o projeto poderia ser completamente descaracterizado na votação em plenário”, disse, segundo o G1.
O projeto, então, seria caracterizado como uma lei para enquadrar juízes e promotores.

Geddel alegava motivo de “segurança” para usar aviões da FAB em viagens a Salvador


O último voo foi na quarta-feira (23)

MURILO RAMOS
26/11/2016 - 10h00 - Atualizado 28/11/2016 09h53
Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) (Foto: Divulgação/Facebook)
Geddel odiava  pegar voo de carreira para ir e voltar de Salvador, sua cidade, nos finais de semana. Abusava das aeronaves da Força Aérea Brasileira. Alegava motivo de “segurança” para usá-las. Seu último voo para a capital baiana, na quarta-feira (23), foi nessa condição. Geddel era o único passageiro do avião.

Estudantes aprendem sobre o Poder Legislativo na Câmara de Colombo



            
Clique na foto para ampliar
Clique na imagem para ampliar
A Câmara Municipal de Colombo recebeu nestas quarta e quinta-feira (23 e 24/11) a visita de estudantes do 3º e 4º ano da Escola Municipal Parque Monte Castelo. Na quarta-feira, os alunos foram recebidos no Plenário Presidente Tancredo de Almeida Neves pelo presidente do Legislativo, Professor Waldirlei Bueno (Solidariedade) e pelo vereador Anderson Prego (PT), responsável pelo convite à escola, e puderam conhecer alguns dos vereadores eleitos para a próxima legislatura e que participavam de um curso de capacitação sobre Comportamento Corporativo e Público.
“Agradecemos essa preocupação dos professores em trazer os estudantes para conhecer o Legislativo. Temos esse projeto, ‘A Escola vai à Câmara’ que visa justamente aproximar os cidadãos mais novos do exercício da democracia na fiscalização do Executivo e da elaboração e aprovação das leis, papeis esse de uma Câmara de Vereadores. Todos os cidadãos precisam se fazer representar por meio dos vereadores que elegeram, comunicar as coisas que não estão em seu perfeito funcionamento na cidade, participarem. Por isso, ensinar aos estudantes colombenses quem são os legisladores e como funciona a Câmara é de fundamental importância”, destacou Bueno.
Na quinta-feira, a chefe da divisão de apoio Legislativo, Lucirene Cavassin, desenvolveu atividades pedagógicas com os estudantes, reforçando o entendimento do papel do Legislativo nos Três Poderes incentivou os alunos terem um dia de vereador, simulando uma sessão ordinária. Os pequenos ocuparam os lugares dos legisladores no plenário, debateram e votaram projetos de lei fictícios.

25/11/2016
                  


Júri de Elize Matsunaga começa hoje em SP: crime passional ou premeditado?



estadao_conteudo_cor

elize
Elize e Marcos no dia do casamento – Foto: Arquivo pessoal
Começa nesta segunda-feira, 28, o júri de Elize Matsunaga, de 34 anos, presa desde 2012 por matar e esquartejar o marido, o empresário Marcos Kitano Matsunaga, herdeiro do grupo Yoki. O crime aconteceu no triplex onde o casal morava com a filha, na Vila Leopoldina, zona oeste de São Paulo.
Ré confessa, ela tenta provar que trata-se de um crime passional, cometido após briga doméstica. A acusação, por sua vez, sustenta a tese de que ela agiu de forma premeditada, por interesse financeiro e contou com a ajuda de um cúmplice para se livrar do corpo. A pena pode chegar a 33 anos.
O julgamento vai ocorrer no mesmo plenário do Fórum Criminal da Barra Funda, onde Suzane von Richthofen e Gil Rugai foram condenados. Nas palavras da promotoria, será um “duelo de criar fatos”. Elize vai responder por homicídio qualificado, além de destruição e ocultação de cadáver.
Marcos, que tinha 42 anos, foi morto no dia 19 de maio de 2012, após levar um tiro do lado esquerdo do crânio. Ele teve o corpo esquartejado em sete partes, que foram armazenadas por Elize em malas e jogadas numa estrada de Cotia, na Grande São Paulo. Segundo a acusação, o seguro de vida de R$ 600 mil da vítima motivou o crime.
Com um processo de 26 volumes, o julgamento promete ser longo – o plenário foi reservado por cinco dias. Na condução estará o juiz Adilson Paukoski Simoni, da 5.ª Vara do Júri, o mesmo que atuou no julgamento do seminarista Gil Rugai, condenado a 33 anos e 9 meses de prisão por matar o pai e a madrasta em 2004, em São Paulo.
Testemunhas
Os depoimentos começam após a leitura das peças do processo. São nove testemunhas de acusação, três em comum e nove de defesa. Entre elas, há familiares, policiais e pessoas que conheciam o casal. Apontada como amante de Marcos e pivô da suposta briga entre os dois no dia do crime, a modelo Nathalia Vila Real Lima não foi convocada.
O promotor José Carlos Cosenzo quer provar que o assassinato do herdeiro da Yoki teve três qualificadoras: o motivo torpe, a impossibilidade de defesa e o meio cruel. Entre suas testemunhas, estão o irmão da vítima Mauro Kitano Matsunaga e o detetive Willian Coelho de Oliveira, contratado por Elize para descobrir e filmar a traição do empresário.
Para a acusação, Elize, que praticava tiro, surpreendeu a vítima desarmada. O disparo, dado de cima para baixo, a cerca de 20 centímetros de distância, é um indício de que Marcos não teve chance de se defender. “Ele era bem mais alto do que ela”, diz Cosenzo.
A promotoria defende que o crime foi premeditado e que Marcos começou a ser degolado ainda com vida. Segundo o promotor, a bala ficou instalada em um local que não provocou morte instantânea e a vítima engoliu sangue, após o corte no pescoço. Ele também afirma que Elize não agiu sozinha. “Tudo será provado tecnicamente””, afirma.
Já a defesa deve apostar na tese de que se tratou de um crime passional. A hipótese foi admitida pelo delegado Jorge Carrasco, então diretor do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa na época, chamado pelos advogados de Elize como testemunha. Também foi intimada Roseli de Araújo, tia da ré. Com parentes e pessoas próximas do casal, a defesa deve tentar mostrar que Elize era vítima de violência do marido. “Vamos contar o todo: a personalidade de um e de outro, até o dia dos fatos”, diz a advogada da ré, Roselle Soglio.
Segundo a defesa, o disparo foi efetuado a mais de 1,90 metro de distância. Os advogados afirmam, ainda, que Elize não recebeu ajuda de outra pessoa e que o esquartejamento só ocorreu após a morte de Marcos. “Elize merece ser julgada pelo ato que ela praticou, e não por aquilo que a acusação imputa a ela”, diz.
Tranquila
Presa em Tremembé, Elize está ansiosa, segundo a defesa. “Ela quer muito esse julgamento. Como qualquer outro detento, quer ter sua situação resolvida”, afirma Roselle. “Ela está tranquila em relação à verdade que já foi apresentada. Fez um confissão ampla e bastante completa.” A advogada também diz esperar pela absolvição. “Tudo pode acontecer.”
Ja o promotor do caso afirma que receberia com “indignação” a sentença com pena inferior a 24 anos. “Nada foi como ela (Elize) falou.”